Esse talvez seja um dos feriados mais controversos que existe. Natal é aquele tipo de feriado que ou você ama ou odeia, não há meio termo, mas venhamos e convenhamos que não tem como passar por ele despercebido. Quando falamos de cinematografia americana é impossível não de Esqueceram de Mim ou mesmo de um episódio especial em alguns dos seriados que mais amamos – saudades, Glee – e que marcaram as nossas lembranças. O filme dessa semana é uma comédia romântica, de 2007, protagonizada por Melissa Joan Hart e Mario Lopez. A Bonequinha viu… Um Sequestro de Natal.

ABonequinhaViu2

A produção feita exclusivamente para TV americana, produzida pela ABC Family, conta a aventura de Trudie (Melissa Joan Hart) uma artista que devido à falta de oportunidades trabalha como garçonete em um restaurante indiano. Depois de um dia cheio de problemas e o término com o namorado, Trudie precisa encontrar alguém para passar o Natal com a família dela. É quando ela vê David (Mario Lopez), um completo desconhecido, e decide sequestra-lo para o Natal com sua família. Enquanto David finge ser o namorado perfeito, ele entra em contato com a sua verdadeira namorada e pede ajuda para tirá-lo dali, sem imaginar que os acontecimentos naquela casa mudariam seus sentimentos por todos.

Sim, esse é um daqueles filmes bem previsíveis que só de ler a sinopse você já imagina como será o final, mas isso não o desmerece. Com algumas questões de família, ele traz consigo um drama bem suave, nada muito trágico, mas que leva o espectador a algumas reflexões. A carreira escolhida, o trabalho que você faz e o que a seus pais esperam de você é algo tão comum em algumas produções, mas aqui o aditivo de mentiras dá o tom de comédia que o filme pede. Não é apenas Trudi que possui segredos, toda a sua família tem e vive uma mentira para aparentar um lar feliz. Será que não conhecemos alguém assim? Todavia, se isso nos parece tão próximo, acreditar em um personagem como o de David é forçar a barra demais. Tá certo que o filme não pedia esse lado mais sério e tal, mas suas tentativas de fugir beiram mais ao bizarro do que o engraçado. Não por culpa do ator, que tem um bom desempenho, mas pelo texto que acabou ficando um pouco infantil demais.

Há ainda outras temáticas que são abordadas no filme, quase que pinceladas na verdade, mas que se forem ditas aqui estragam as surpresas. Parece um conto de fadas meio que às avessas, pois é o personagem de Lopez que vai dando o tom de romance na história, enquanto que Joan Hart traz o lado mais cômico.
Preciso mencionar também que as melhores piadas são de June Lockhart, que interpreta a Vovó Delores, ela com certeza farão lembrar-se daquela vovó da sua família que pouco se importa com a opinião dos outros e fala o que pensa.

No mais, para um filme produzido para a TV, temos um longa com um orçamento não tão baixo, mas que conseguiu trazer elementos de uma boa comédia romântica, que ao meu ver, não deve nada a outras do gênero e, sinceramente, melhor até do que muitas outras que foram para as telonas. Essa talvez seja uma das razões por ter se tornado uma das transmissões mais assistidas da ABC Family.

Nota3

Finalizando, esse é aquele filme para assistir com toda a família, sem pretensão alguma e bem descontraído. Dá para arrancar algumas risadas e prender a atenção do público até o final. Mais do que uma longa natalino, Um Sequestro de Natal é um filme que fala sobre família, união, confiança, sonhos, amor e de jamais desistir daquilo que você sempre buscou.

Apesar de não ter sido lançado em DVD por aqui, ele possui cópias dubladas e legendas. Já foi exibido algumas vezes na TV aberta e já ficou durante algum tempo disponível no catálogo da Netflix.

Quer saber mais sobre filmes? Acompanhe nossa coluna A Bonequinha Viu… toda quinta, aqui n’Os Entendidos. Não esqueça de curtir também a nossa fanpage!

Comentários

Comentários